image 1 image 2

JOVEM SEM CULTURA, JOVEM SEM FUTURO

Concurso de redação promovido pela ATLECA

1º Lugar

JÚLIA VIANA CORDEIRO

aluna do 2º A do IFGoiano - Campus de Trindade

nascida em 08 de janeiro de 2000

Orientadora: Professora Ruth Aparecida Viana Silva

      

         JOVEM SEM CULTURA, JOVEM SEM FUTURO

 

Jovem sem cultura, sem lazer, sem direito à educação,

Fica no escuro, sem espaço, sem liberdade de expressão.

Sem autonomia, sem direitos e sem futuro,

Não pode opinar, não quer, fica em cima do muro.

 

Sem voz, sem vez e nem lugar,

Tudo distante, difícil de alcançar.

Cultura é dar liberdade, oportunidade para voar,

Com o futuro sonhar e o mundo mudar.

 

Cultura é lazer, esporte, música,

É ciência, são costumes, é tudo aquilo que fica,

Fica na memória, no meio social

Se relaciona com a justiça, com a ética e com a moral.

 

Justiça, não de lei, justiça como um senso,

Ética para mudar e moral de quem está atento.

Não aceita as injustiças e levanta sua voz,

Luta, sem armas, pelo que é de todos nós.

 

Jovem que tem cultura, respeita sua liberdade,

Não se cala, vai à luta, pelo bem da sociedade.

Faz sua parte e não se esquece dos demais,

Sabe olhar pro outro e quer sempre mais.

 

Mais saúde, educação, mais direitos sem censura,

Quer pra si, mas quer pro outro essa tal de cultura.

Esse bem libertador abre os olhos, quebra o  muro,

Trilhando um caminho, construindo seu futuro.

Autor: JÚLIA VIANA CORDEIRO